Free songs

Participe da vida escolar dos seus filhos

communion-class-for-childrenAcompanhar tarefas e buscar saber o que está sendo ensinado às crianças na escola é extremamente importante.

A família tradicional que o pai trabalhava fora e a mãe ficava em casa cuidando dos afazeres domésticos e educação dos filhos há muito se extinguiu. Hoje a realidade é outra, ambos trabalham e, como consequências, surgiram barreiras a serem superadas. Um dos obstáculos consiste na indisponibilidade de tempo dos pais em acompanhar a vida escolar dos filhos. Eles notam quando o adulto participa da sua vida escolar ou simplesmente delega essa tarefa à instituição de ensino. Além disso, é relevante frisar que o sucesso escolar do aluno está diretamente ligado à  escola, pais e filhos. Quando os três andam paralelamente tudo fica mais fácil, são elos da mesma corrente que juntos se completam.

Uma pesquisa da Secretaria Estadual da Educação de São Paulo, publicada recentemente, mostrou que três em cada cinco mães de alunos das escolas estaduais paulistas acompanham de perto a vida escolar dos filhos. Ainda segundo o levantamento, que teve como objetivo alertar os pais ou responsáveis sobre a importância da presença deles no aprendizado dos filhos, mostra que as mães ficam atentas às lições de casa, acompanhando, principalmente, os menores de 12 anos.

teaching-childrenApesar de o resultado apontar que mais da metade dos responsáveis estão presentes nesta área – três em cada cinco – fica a pergunta: e as outras duas? Ou seja, e o restante dessas mães?

Educar é função dos pais

Cada vez mais, os pais e mães têm menos tempo para ficar em casa ou ir à escola – em virtude do excesso de trabalho, responsabilidades e compromissos, o que é compreensível. No entanto, apesar disso, eles devem estar cientes de que a educação dos filhos, os princípios e os valores deles, também são uma de suas mais importantes responsabilidades enquanto pais e mães.

Escolarização e educação são coisas distintas. A escolarização fica por conta da escola, mas educar é função dos pais. Não se pode terceirizar a educação de um filho. Por mais clichê que seja falar isso, educação vem sim de casa.

A imagem da escola

Às vezes, o desapego com a instituição de ensino é tanto, que existem pais que “negociam” faltas com os filhos, determinando, por exemplo, um número de vezes que ele pode não comparecer à aula. Esta ação não é aconselhável, pois faltas devem ocorrer apenas quando existe motivo. Além disso, com esta atitude os pais transferem o entendimento de que a escola é ruim, e ensinam a falta de compromisso sem perceber.

Novos aprendizados

Buscar participar de forma ativa da vida escolar dos filhos é tão bom para o pai quanto para a criança, pois além de haver uma aproximação maior entre eles, a troca de conhecimentos é muito vantajosa. A mãe, o pai ou o responsável muitas vezes acaba aprendendo também. Eles aprendem o conteúdo, acompanham as atividades e aprendem com o filho sobre convivência, trocas, respeito, admiração e auxílio nas dificuldades.

Lembre-se: criar um laço de cumplicidade e companheirismo entre pais e filhos é um meio eficaz em favor do bom rendimento escolar.

teaching-children-learning-disabilities